CLIQUE AQUI PARA FAZER O DOWNLOAD DA PROGRAMAÇÃO

 

:: 22 de novembro a 02 de dezembro :: belo horizonte :: minas gerais :: brasil ::

CINE HUMBERTO MAURO

 

22 NOV | QUINTA-FEIRA

 

19h30 SESSÃO ABERTURA

 

Abá (1992), Raquel Gerber, Cristina Amaral, 4′

Orí (1989/2009), Raquel Gerber, 91′

comentada por Cristina Amaral,  Raquel Gerber, Makota Valdina

 

23 NOV | SEXTA-FEIRA

 

14h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 1: Cristina Amaral, Raquel Gerber, Tatiana Carvalho Costa, Tatetu Arabomi.

Mediação: Ewerton Belico Ver juntos: Ylê Xoroquê

 

17h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Universo preto paralelo (2017), Rubens Passaro, 12′

Parquelândia (2018), Cecília da Fonte, 73′

comentada por Cecília da Fonte

 

19h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Walrus hunting (2018, Caça à morsa), Zacharias Kunuk, 32′

Wild relatives (2018, Espécies selvagens), Jumana Manna, 70′

 

21h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Tambor de Mina, tambor de Crioulo e Carimbó (1938), Luiz Saia, 5′

A última das Minas (2015), Rafael Urban, Larissa Figueiredo, 25′

Nunes Pereira – a casa das Minas (1978), José Sette, 60′

comentada por José Sette

 

24 NOV | SÁBADO

 

15h SESSÃO ESPECIAL

 

Diante dos meus olhos (2018), André Félix, 81′

comentada pelo diretor

 

17h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Ylê Xoroquê (1981), Raquel Gerber, 16mm, 34′

Orixás – uma tradição viva (2008), Maoro Rocha Pitta, 45′

comentada por Raquel Gerber

 

19h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Auto de resistência (2018), Natasha Neri, Lula Carvalho, 104′

 

21h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Fotbal infinit (2018, Futebol infinito), Corneliu Porumboiu, 70′

 

25 NOV | DOMINGO

 

15h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Furna dos negros (2017), Wladymir Lima, 29′

Bimi, Shu Ikaya (2018), Isaka Huni Kuin, Siã Huni Kuin, Zezinho Yube, 52′

 

17h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

A rainha Nzinga chegou (work in progress, 2018), Júnia Torres, Isabel Casimira Gasparino, 73′

comentada por Isabel Casimira e Antônio Cassimiro

 

19h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

The rare event (2018, O raro evento), Ben Rivers, Ben Russell, 48′

 

20h SESSÃO ESPECIAL FORUMDOC | HISTÓRIA PERMANENTE DO CINEMA

 

Chuva é cantoria na aldeia dos mortos (2018), João Salaviza, Renée Nader, 114′

comentada por Ihjãc Krahô, Hobotxiê Krahô, João Salaviza e Renée Nader

 

26 NOV | SEGUNDA-FEIRA

 

14h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 2: Makota Kidoiale, Makota Valdina, Pedrina de Lourdes Santos

Mediação: Amaranta Cesar. Ver juntos: Tem quilombo na cidade – Manzo Ngunzo Kaiango

 

17h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Merê (2017), Urânia Munzanzu, 17′

Dos tambores do Tombenci aos tambores do Dilazenze (2007), Gilsonei Rodrigues (Mestre Ney), 31′

Rapsódia para um homem negro (2015), Gabriel Martins, 25′

comentada por Marinho Rodrigues e Gabriel Martins

 

19h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Kinshasa Makambo (2018), Dieudo Hamadi, 75′

 

20h30 LANÇAMENTO e EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Lançamento/Livro

Jorge Sanjinés e Grupo Ukamau – Teoria e prática de um cinema junto ao povo.

Tradução de Sávio Leite e Lourenço Veloso

 

Jubiabá (1987), Nelson Pereira dos Santos, 35mm, 100′

comentada por Hernani Heffner

 

27 NOV | TERÇA-FEIRA

 

9h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Yãmĩyhex no cinema (filme em processo)

com Sueli Maxakali, Yxa Py (Patrícia Ferreira – Guarani Mbya). Mediação: Clarisse Alvarenga

 

11h VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

O cinema Ye’kwana

com Julio Yek’wana, Viviane Yek’wana. Mediação: José Cury

 

14h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 3: Marcio Goldman, Marinho Rodrigues (Tata Luandenkossi). Mediação: Roberto Romero

Ver juntos: Dos tambores do Tombenci aos tambores do Dilazenze

 

17h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Alápini: a herança ancestral de Mestre Didi Asipá (2017), Emilio Le Roux, Hans Herold, Silvana Moura, 50′

Atlântico Negro – na rota dos Orixás (1998), Renato Barbieri, Victor Leonardi, 35mm, 54′

 

19h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Egungun (1982), Carlos Brajsblat, 99′

comentada por Nilsia Lourdes dos Santos (Iyalodè Ósún Ifé)

 

21h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Tekoa Ha’e Tetã (2018), Alberto Alvares, 18′

Deekeni – os olhos de Wiyu (2018), Júlio David Rodrigues, José Cury, 77′

comentada pelos realizadores

 

28 NOV | QUARTA-FEIRA

 

9h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 4: Arte contemporânea, performance e religiões afro-brasileiras

Hélio Menezes, Mariana de Matos, Ricardo Aleixo. Mediação: Janaína Barros

 

14h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 5: César Guimarães, Mãe Efigênia (Mametu Muiandê), Pai Ricardo de Moura

Mediação: Wagner Leite Viana – Ver juntos: Merê

 

17h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Encontro com Iemanjá: para além dos olhos (2018), Pai Ricardo de Moura, 67′

apresentada pelo realizador

 

19h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Gens du lac (2018, Gente do lago), Jean-Marie Straub, 18′

Braguino (2017), Clément Cogitore, 49′

 

20h30 SESSÃO ESPECIAL

 

Os Sonâmbulos (2018), Tiago Mata Machado, 110’

comentada pelo realizador

 

29 NOV | QUINTA-FEIRA

 

14h SEMINÁRIO EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES e

VII COLÓQUIO: CINEMA, ESTÉTICA E POLÍTICA

 

Encontro 6: Juê Olivia, Leda Maria Martins, Marcos Cardoso. Mediação: Edgar Rodrigues Barbosa Neto

 

17h EBÓ  EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Orixá Ninú Ilê (1978), Juana Elbein Santos, 16mm, 24′

Yaô – iniciação de filho de santo (1970), Maureen Bisilliat, 56′

 

18h30 MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Galinhas no Porto (2018), Caioz, Luís Henrique Leal, 20′

Maré (2018), Amaranta Cesar, 22′

Nome de batismo – Alice (2017), Tila Chitunda, 25′

Noirblue – deslocamentos de uma dança (2018), Ana Pi, 27′

comentada por Amaranta Cesar e Ana Pi

 

21h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Terremoto santo (2017), Bárbara Wagner, Benjamin de Burca, 19′

Inaudito (2017), Gregorio Gananian, 88′

comentada por Gregorio Gananian

 

30  NOV | SEXTA-FEIRA

 

15h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Travessia (2017), Safira Moreira, 5′

Inconfissões (2017), Ana Galizia, 21′

Sair do armário (2018), Marina Pontes, 3′

CorpoStyleDanceMachine (2017), Ulisses Arthur, 7′

Escape (2017), Vinicius Sassine, Mariana Paschoal, Julien Mérienne, Maria Chatzi, 53′

 

17h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Minatomachi (2018), Kazuhiro Soda, 122′

 

19h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Bahia de todos os exus (1978), Tuna Espinheira, 30′

Exu mangueira (1974), Jom Tob Azulay, 40′

comentada por Jom Tob Azulay

 

21h  MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

Let the summer never come again (2017, Que o verão nunca mais volte), Alexandre Koberidze, 202’

 

01 DEZ | SÁBADO

 

15h MOSTRA CONTEMPORÂNEA INTERNACIONAL

 

El laberinto (2018, O labirinto), Laura Huertas Millán, 21’

Expo Lio’ 92 (2017), María Cañas, 63’

 

16h30 MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Bloqueio (2018), Victoria Alvares, Quentin Delaroche, 75’

comentada pelos realizadores

 

18h30 MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Conte isso àqueles que dizem que fomos derrotados (2018), Aiano Bemfica, Camila Bastos, Cristiano Araújo, Pedro Maia de Brito, 23’

Parque Oeste (2018), Fabiana Assis, 70’

comentada pelos realizadores

 

21h SESSÃO ESPECIAL

 

Temporada (2018), André Novais Oliveira, 113’

comentada pelo realizador

 

23h Festa forumdoc.bh.2017

 

02 DEZ | DOMINGO

 

15h30  EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Barravento (1961), Glauber Rocha, 81’

 

17h MOSTRA CONTEMPORÂNEA BRASILEIRA

 

Praça do Peixe (2018), Bernard Machado, Florence Defawes, Marina Sandim, Ralph Antunes, 15′

Espera (2018), Cao Guimarães, 76’

comentada pelos realizadores

 

19h EBÓ EJÉ – CINEMA BRASILEIRO E AFRO-RELIGIÕES

 

Ritos populares, Umbanda no Brasil (1977), Rogério Sganzerla, 28’

Santo Forte (1999), Eduardo Coutinho, 35mm, 80’

 

21h SESSÃO ESPECIAL

 

Da vida das abelhas (2018), Pedro Aspahan, 7’

Baixo Centro (2018), Ewerton Belico, Samuel Marotta, 80′

 

comentada pelos realizadores

 

FAFICH – UFMG

 

22 NOV | QUINTA-FEIRA

12h Auditório Baesse

CorpoStyleDanceMachine (2017), Ulisses Arthur, 7′

Universo Preto Paralelo (2017), Rubens Passaro, 12′

Noirblue – deslocamentos de uma dança (2018), Ana Pi, 27′

Casa Roshell (2017), Camila José Donoso, México/Chile, 71’

 

27 NOV | TERÇA-FEIRA

12h Auditório Carangola (antiga sala 1012)

Bloqueio (2018), Victoria Alvares, Quentin Delaroche, 75′

 

ENDEREÇOS

Cine Humberto Mauro | Avenida Afonso Pena | 1.537 | Centro

FAFICH – Campus UFMG | Av. Pres. Antônio Carlos | 6627 | Pampulha

ENTRADA FRANCA

 

+ info: www.forumdoc.org.br

 

Associação Filmes de Quintal

filmes@filmesdequintal.org.br

(31) 3889-1997

 

Deixe uma resposta